Agrupamento de Escolas de Gondifelos

Informações

Ferramentas

Blogs

A acontecer

Contratação

Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

Nos dias 25 e 26 de fevereiro, os alunos do 7º ano do AEG participaram numa visita de estudo interdisciplinar.


O primeiro destino desta visita, Ruínas e Museu de Conímbriga, teve de ser adiado para o dia seguinte, em virtude de um acidente à saída do Porto. Este percalço não fez esmorecer o ânimo e a viagem prosseguiu até ao Agrupamento de Escolas de Pedrógão Grande. Aqui, o grupo foi recebido de forma muito calorosa pelo professor José Alberto, de Físico-Química, e por um grupo de alunos de 7º ano. Após uma refeição bem confecionada na cantina escolar, os alunos plantaram um castanheiro e um carvalho, que levaram do nosso berçário, num espaço junto ao campo de treinos da escola, e proferiram singelas palavras, num gesto de solidariedade para com esta comunidade.
Na barragem do Fratel, engenheiros e eletricistas conduziram o grupo pelas “entranhas” do edifício e explicaram o funcionamento deste equipamento sobre o rio Tejo.
Já na capital, uma passagem pela antiga Expo fez os alunos relembrarem a viagem de comboio a Lisboa, aquando da comemoração dos 25 anos da escola.
Pelas 19h30, o autocarro deu entrada no Regimento de Transportes, o antigo RALIS, e o grupo foi recebido pelo alferes Zambujeiro, que deu a conhecer as casernas onde iriam pernoitar. Depois de terem conhecido os aposentos, recuperaram forças com um jantar confecionado e servido pelos militares. Como em quase todas as visitas deste género, o início da noite revelou-se barulhenta e agitada, tendo obrigado à intervenção dos professores.
O novo dia trouxe um banho quente e um pequeno-almoço reforçado e, depois de terem assistido à formatura dos militares (quem sabe se a estada neste local virá a despoletar o gosto pela vida militar!), partiram em direção aos templos da cidade.
No templo hindu, sentados no chão com as pernas cruzadas, ouviram com atenção a senhora que, de forma simples e viva, falou dos cultos e das tradições desta religião.
Já na mesquita, com alunas e professoras de lenço devidamente colocado na cabeça, o grupo descalçou-se e recebeu o Sheik Munir, que o levou numa visita guiada pela sala de oração (a maior da Europa), pelo espaço das abluções e, numa sala voltada para um pátio, abordou os fundamentos do Islamismo e respondeu às questões colocadas, nomeadamente sobre as cerimónias matrimoniais e fúnebres.
O almoço tão ansiado aconteceu no Shopping Amoreiras, onde puderam também comprar algumas lembranças.
Um curto passeio em torno da sinagoga fez aumentar o desejo de a conhecer. Desta vez, foram os rapazes e os professores que tiveram de colocar uma espécie de touca, o quipá, utilizada pelos judeus, tanto como símbolo da religião, como símbolo de temor a Deus. Sentados na parte da sinagoga reservada aos homens, os alunos, na sua generalidade, ouviram a guia com interesse e colocaram questões.
A última visita, pensada para ser a primeira desta viagem, foi às ruínas de Conímbriga. O grupo foi dividido em dois e, num passeio curto, atendendo ao adiantado da hora, e conduzido por guias especializados, os alunos conheceram uma parte das ruínas, experienciaram o que aprenderam e reconheceram as marcas do mundo romano.
A visita decorreu conforme o planeado, tendo sido atingidos os objetivos traçados pelas várias disciplinas. Os alunos, na globalidade, estiveram bem, apesar da agitação registada durante a noite e na viagem de regresso.
Nos dias seguintes, os alunos fizeram a avaliação da visita que será, entretanto, analisada e dada a conhecer em sede de Departamento.

Os professores,
Ana Carreira, Alexandre Fonseca, Carlos Araújo e Sandra Rocha

Pré-aviso de Greve 

Face ao pré aviso de greve de pessoal não docente, para dias 21 e 22 de março, quinta-feira e sexta-feira, alertamos para a possibilidade de encerramento de estabelecimentos de ensino no nosso Agrupamento.

Tertúlia em vídeo! 

A Ícaro TV já editou e disponibilizou o vídeo referente à tertúlia "Que GÉNERO de Escola temos?", que abordou a promoção da iguladade de género nas escolas e que contou com a participação da Sra. Secretária de Estado para a Cidadania e Igualdade, Dra. Rosa Monteiro.

(por favor clique aqui para ver)

Aconteceu no i-City! 

Foi uma semana em cheio
com os nossos parceiros
(Espanha, Itália, Turquia,
Roménia e Inglaterra)
Obrigado a todos quanto
colaboraram ou contribuiram
para que isto fosse possível

VÊ ABAIXO RESUMO
DAS ATIVIDADES REALIZADAS
(10 a 16 de março)

Dia 16 de março

Dia de fortes emoções,
corações apertados e
olhos nublados,
trocam-se abraços
e promessas de contactos.
As famílias acolhedoras
levam os parceiros
ao aeroporto e a
saudade já se sente no ar.

Dia 15 de março

Neste dia de encerramento,
concluiu-se a parametrização
da cidade virtual,
promoveram-se trocas
de experiências pedagógicas,
fez-se a avaliação desta
fase do projeto, preparou-se
o sarau cultural, que fechou o
dia e o trabalho em beleza.

Dia 14 de março

Manhã para preparação das
conclusões do trabalho de
urbanismo virtual e questões
para responsáveis autárquicos,
relacionadas com temática do
projeto, que foram respondidas
de tarde na Casa da Juventude
na receção da CMVNF, que
abriu 
peddy paper pela cidade.

Dia 13 de março

Visita turística ao Porto
para analisar os cuidados a ter
na organização urbana,
através de uma visita guiada
evidenciando os traços
do crescimento da cidade,
havendo tempo para uma visita
às caves do Vinho do Porto e
para um pequeno cruzeiro.

Dia 12 de março

O tempo nublado não ajudou
mas o grupo cumpriu.
A manhã foi de muito trabalho
e a tarde foi dedicada
a visitas a empresas
(de apoio social e de
processamento alimentar),
terminando com uma ida
à praia da Póvoa de Varzim.

Dia 11 de março

Foi um dia muito preenchido,
com o acolhimento,
o reconhecimento da escola,
as primeiras 
atividades
da construção 
da
cidade virtual

da visita pedestre a Gondifelos,
no fim foi a festa com um
jantar familiar de receção.

Dia 10 de março

Com grandes tribulações,
mas todos a chegar ao destino.
@s primeir@s a aterrar
foram @s italian@s,
logo seguido d@s turc@s.
De tarde chegaram
@s ingeleses/as e ao
final do dia 
@s romen@s
@s espanhóis/las.

Links Educativos 

 

RoteiroMinas1

 

 

 

metis

JuventudeCMVNF

 

 

 

FundacaoJuventude

 

 

 

 

 

Memórias 

memorias

Jornal Escolar 

asas mar2018

Nº 6 - março 2018

asas dez2018

Nº 7 - dezembro 2018

Revista PAA 

revista2017 2018

Login

Online 

Temos 97 visitantes e 0 membros em linha

Scroll to top