Agrupamento de Escolas de Gondifelos

Informações

Ferramentas

Blogs

A acontecer

Contratação

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

"EAThink2015 – Alimentação Local, Pensamento Global” foi um projeto para escolas básicas e secundárias de 12 países europeus e 2 países africanos, financiado pela União Europeia.

 

O projeto teve como objetivos promover o espírito crítico e o envolvimento ativo dos professores e estudantes nos desafios do desenvolvimento global, com uma ênfase particular na segurança e soberania alimentares, sistemas alimentares sustentáveis e agricultura familiar.
Foram muitas as atividades realizadas desde o início deste projeto pelo AEG e que incluiram uma visita à cidade de Milão, na sequência da Expo Milão 2015, e a participação em concursos nacionais de fotografia e num concurso de vídeo, no qual a nossa escola obteve o terceiro lugar nacional, o melhor obtido por uma escola do norte do país, tendo sido notícia no Jornal de Notícias, dando visibilidade nacional ao fantástico envolvimento dos alunos e professores neste desafio. Para além disso muito trabalho interno foi também desenvolvido, do qual são exemplos a realização de projetos no âmbito da temática da sustentabilidade, como o sub-projeto SER (Sustentabilidade, Empoderamento, Responsabilidade), resultante de uma congregação de objetivos deste e dos projetos Fundação EDP Escolas Solidárias e Eco-Escolas, integrando a inauguração da horta escolar, exposições e apresentação de músicas originais, entre outras.
O projeto culminou num seminário nacional promovido pela Fundação Calouste Gulbenkian, no passado mês de novembro, em Lisboa. Neste seminário a professora Carla Castelo Branco, em nome do AEG, apresentou uma comunicação sobre a integração da cidadania global nos curricula. Nesse seminário de encerramento, a Fundação Calouste Gulbenkian apresentou a estrutura de uma publicação na qual estaria compilado um conjunto de atividades sobre o desenvolvimento global, com uma ênfase particular na segurança e soberania alimentares, sistemas alimentares sustentáveis e agricultura familiar. Essa publicação foi editada no final do mês de feveriro e foi com muita satisfação e orgulho que vimos que a capa dos dois volumes da revista publicada resultou do trabalho da turma 1 do sexto ano (2016-17), que, nas aulas de Educação Visual, sob orientação do professor Abílio Castelo Branco. Esse trabalho resultou numa exposição que esteve patente na escola, nos serviços educativos do Parque da Devesa, em Famalicão e também em Lisboa, no seminário de encerramento do projeto em Portugal.

Dois números desta revista foram oferecidos pela Fundação Calouste Gulbenkian ao Agrupamento e estarão disponíveis para consulta Biblioteca Escolar do Agrupamento e para possível aplicação das atividades ali propostas.
Parabéns a todos os que contribuiram para este sucesso!

Participe! 


(conheça o programa clicando na imagem)
Abordando uma temática que é de grande relevância no atual contexto da evolução do sistema educativo, é importante a participação de toda a comunidade educativa para o processo de melhoria do serviço que prestamos.

I-City em Badajoz 

O i-City leva mais 8 alunos
a intercâmbio com escolas
de Espanha, Itália, Turquia,
Roménia e Inglaterra,
entre 12 e 18 de Maio.

Na construção da cidade virtual, vão estudar-se as necessidades e o fornecimento dos recursos necessários e as fontes de energia a explorar.

RESUMO DO DIÁRIO

Dia 12
Viagem de avião até Lisboa onde se encontraram com os outros parceiros para a viagem de autocarro até Badajoz.

Dia 13
Organização, trabalho de grupo e conhecimento da cidade.

Dia 14
A passear (Barcarrota) e a jogar (outdoor e energias renováveis) também se aprende.

Dia 15
Continuando a construção da cidade virtual e explorando os trabalho dos diferentes grupos (entre os quais o do AEG - na foto)

Dia 16
Um pézinho em Portugal: exploração da barragem do Alqueva e respetiva albufeira - Energia Hidroelétrica.

Dia 17
Ouvindo os investigadores das fontes de energia renováveis, na Universidade da Extremadura.

ACOMPANHA CLICANDO AQUI

O AEG participou no concurso "Escola Alerta 2019"

Veja aqui (clique abaixo):

- a memória descritiva;

- o trabalho realizado.

Porque não se vota?! 

O Clube Europeu AEG, convidou uma amostra dos eleitores residentes da comunidade envolvente a responder a um questionário para apurar as taxas da eventual participação nestas eleições

Conheça aqui os resultados.

Revista PAA 

revista2017 2018

Login

Online 

Temos 165 visitantes e 0 membros em linha

Scroll to top